quinta-feira, 31 de outubro de 2013

ESPIRITUALISMO EM MODA E QUEDA

A espiritualidade permeia compulsivamente a sociedade pós-moderna, do qual fazemos parte.  Talvez se deve ao fato de que o stress resultante da velocidade tecnológica  tenha contaminado a alma o ser humano criando um vazio que para ser preenchido precisa buscar a espiritualidade. Na idade moderna ocorria o contrário, o homem na busca da industrialização e do iluminismo se tornava cético e intelectual. Hoje o ser humano é prático e espiritual. A espiritualidade da qual nos referimos, porém, pode não ser a espiritualidade conforme os paramentos cristãos. Portanto é preciso analisar com cautela o que está por trás dos movimentos espiritualistas. Fixação por Lugares sagrados, pedras imantadas, cones, objetos, amuletos e façanhas parapsicológicas têm desenhado um perfil bem característico do mundo hodierno. Ocorre que, essa espiritualidade nem sempre coaduna com os parâmetros do verdadeiro cristianismo. Mesmo no meio evangélico, têm surgido movimentos estranhos que podemos classificar como frenesi para fugir dos enfrentamentos da vida. É uma folha de arruda para imunizar do mal olhado. É um banho de óleo ungido para dar sorte. Sal de Israel e outros “objetos sagrados”. Como se tudo isso não bastasse agora já temos o culto dos anjos. Os anjos não são para serem adorados, mas atualmente em algumas Igrejas a fixação por anjos tem suplantado o nome de Jesus. Paulo em tessalonicenses rejeita o culto de anjos dizendo que os que praticam tais coisas estão inchados em sua carnal compreensão e falam de coisas que não sabem. Outro movimento que tem perturbado muitos segmentos é o G12 ou M12. Os líderes são endeusados como patriarcas do estrelismo apostólico transmissores de unção apostólica. A teologia ensinada por eles é capenga, não passa no crivo do Novo Testamento. Jesus disse que o Reino de Deus está dentro do verdadeiro crente e ele não tem que buscar unção de apóstolo nenhum. Nesses movimentos a regressão é uma sessão secreta, mas bem conhecida. Por exemplo: o crente que passa pela sessão é manipulado por um líder treinado em parapsicologia que induz a pessoa a dizer que quando era bebê mordia o peito da mãe. Quando tinha 3 anos mordi meu irmão, com cinco chutei a canela da minha vó. Com sete joguei pedra no vidro do vizinho. Com doze demorava no WC e outras confissões esdrúxulas que não convém assinalar aqui. Depois o líder da célula escreve tudo num papel e queima e diz agora você é um novo crente. Um crente de verdade. Está completo, perdoado. Esses movimentos discriminam crentes internos em duas facções, os que fizeram o encontro e os que não fizeram. Os que não querem fazer são incrédulos e rebeldes.
Outra asneira que perturbou muito o meio pentecostal, mas agora está saindo de moda é o cair na unção. Em toda a Bíblia os maiores homens de Deus jamais caíram para trás. Eles sempre caíram de joelhos, prostrados. A palavra cair na Bíblia tem conotação pejorativa. Cair da graça. Cair no laço, cair em pecado, cair no engano, cair na dissolução. Deus nunca incentiva os homens caírem, mas levantar. Levanta-te e falarei contigo. Levanta-te e resplandece. Jamais a bíblia incentiva alguém cair. Esta prática parapsicológica que induz a queda nada tem a ver com a unção ou ao poder de Deus. Pelo contrário. As quedas dividem os crentes que caem e os que não caem. Os que caem são espirituais, os que não caem são incrédulos, insensíveis. Os que administram a queda com empurrões ou sopro são super espirituais. Super heróis do movimento “pentecostal”. A queda nada edifica, pois, está provado que os que caem não melhoram em nada suas vidas, inclusive o caráter cristão não melhora. Numa pesquisa está provado que piora o caráter cristão. Ninguém depois de uma queda teve sua vida transformada para melhor.


2 comentários:

  1. É para mim uma honra acessar ao seu blog e poder ver e ler o que está a escrever
    reparei que se tem esforçado por nos dar o melhor,
    é um blog que nos convida a ficar mais um pouco e que dá gosto vir aqui mais vezes.
    Posso afirmar que gostei do que vi e li,decerto não deixarei de visitá-lo mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se ainda não segue pode fazê-lo
    agora, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.
    Que a Paz de Jesus esteja no seu coração e no seu lar.

    ResponderExcluir
  2. algumas respostas ao seu comentario impertinente sobre paul walker...ele nao incitava a velocidade, ele trabalhava no filme, como0 funcionario, a ficção é para isso expor nossas vontandes sem correr o risco ao perigo, vc julgo, e sera julgado pelo seu juz, vc trabalha em uma igreja que ja robou muito, mais nao significa que vc seja ladrao entaum CUIDE DE SUAS PALAVRAS DEUS TA TE VENDO, e nao tenha a falsa percepção q é justo, porque pastores que praticam pedofilia em sua falsa percepção se acham corretos...

    fique julgando os outros, e deus pode mandar vc pro inferno tomar banho de gasolina com o capeta... vc não é deus, e nao sabe o que deus quer... falso profeta...

    a seguir as resposta revoltosas sobre seu comentario, faço isso porque talvez não viu as consecuencias de seu comentario...



    Luciano Oliveira Santos1 de dezembro de 2013 09:01

    pode ocorrer com qualquer pessoa!
    Wellington Sackhs1 de dezembro de 2013 09:04

    Quem disse que ele gostava de velocidade? Era artista pago para representar um papel!!! Morreu de carona num evento beneficente!!!!Em verdade vos digo não jugueis para não serdes julgados!!!!!
    Mark Alves1 de dezembro de 2013 09:14

    Voce com esse nome de pastor dizendo merda, e falando errado!? "Não Juges" está na bíblia e você vem julgar!? Quem é você seu bosta .. Vai cometer atos de pedofilia junto com teus amiguinhos, seu bosta!
    Joel MGT1 de dezembro de 2013 09:18

    e vc pastor oq planta de bom dizimos e gritos na igreja se liga pastor o cara tava arrecadando dinheiro para um pais q foi devastado e vc oq faz por seu pais ?? nada palavras e mais palavras q nao ajudaum nem a si mesmo pois no fim do mes suas contas tbm vencem . ou quem pode julgar é deus vc nao pastor vc é mais um miseravel ser humano . deveria ter vergonha de querer julgar pois isso é oq o senhor ensina na igreja ??
    vigilia de oiticica em c.grande rio de janeiro1 de dezembro de 2013 09:18

    antes ele do que eu
    bruna stefany1 de dezembro de 2013 09:33

    esse merda desse pastor que vive em cima de um pulpto pregando o que nao vive e ainda se acha no direito de julgar as pessoas quem e vc seu merda um comedor de feijao pecador como qualquer um de nos se prepare pra colher o que vc anda plantando porque Deus nao quer que ninguem morra muito menos nessas circunstancias seu idiota a palavra de Deus diz nao julgueis para que nao sejais julgado porque pelo mesmo juizo que julgas vc será condenado se nao tem o que fala enfia essa sua boca no rabo e fica calado o seu trouxa
    belo exemplo de pastor esse seu
    Margarite Krieger Sestrem1 de dezembro de 2013 10:47

    Va se ferrar $$$$ pastorsinho de bosta. Va colher os $$$ frutos que seus fiéis ignorantes e otarios te dão. E não venha falar m#@&*. Seu $$$ OPORTUNISTAAAA

    ResponderExcluir